Linha de Apoio à Valorização Turística no Interior

Turismo de Portugal

A linha de Apoio à Valorização Turística do Interior que tem como principal objetivo o apoio ao investimento a iniciativas/projetos com interesse para o turismo.

Nos projetos promovidos por entidades privadas, os apoios financeiros podem ascender ao máximo de 90% do valor das despesas elegíveis dos projetos e revestem natureza reembolsável.
Contudo, nestes projetos, 50% do montante do apoio financeiro é convertido em apoio não reembolsável se a realização material dos investimentos ficar concluída até 31 de dezembro de 2017.
Nestas situações, o limite do apoio financeiro é de 150.000 euros e o reembolso do incentivo ocorre no prazo de 7 anos, incluindo 2 de carência.

Tipologias:
-Projetos de valorização ou incremento da oferta de Cycling & Walking;
-Projetos de valorização do património e dos recursos endógenos das regiões ou de desenvolvimento de novos serviços turísticos com base nesse património e nesses produtos,
-Projetos de valorização e de qualificação das aldeias portuguesas, tendo em vista a melhoria da sua atratividade e da experiência turística nestes espaços;
-Projetos que tenham em vista a estruturação de programas de visitação turística em destinos de interior;
-Desenvolvimento de calendários de eventos com potencial turístico e com impacto internacional realizados nos territórios do interior ou com impacto nesses territórios.
———————————
Despesas elegíveis:
-Obras de construção, adaptação, aquisição de bens e de equipamentos diretamente relacionados com o projeto;
-Suportes informativos físicos e/ou digitais multi-idioma, incluindo desenvolvimento de conteúdos, website, sinalética e ferramentas de apoio à experiência turística de base tecnológica;
-Ações de promoção nacional e internacional diretamente relacionadas com o projeto;
-Ferramentas de monitorização da procura, pós implementação do projeto;
-Organização dos calendários de eventos;
-Intervenção de revisores ou técnicos oficiais de contas externos, no contexto do desenvolvimento do projeto.
-Estudos, projetos e assistência técnica necessária para a preparação da candidatura e para a execução dos projetos, bem como a fiscalização externa da execução dos investimentos, até ao limite de 10 % do valor total das despesas elegíveis;
———————————
Turismo de Portugal:
http://www.turismodeportugal.pt/Portugu%C3%AAs/turismodeportugal/newsletter/2017/Documents/ficha-info-linha-apoio-val-tur-interior-janeiro-2017.pdf

Entre em Contacto

Para saber mais sobre este incentivo, entre em contacto connosco
responderemos a todas as suas perguntas

Ao clicar no botão "enviar mensagem" estará a concordar com a nossa política de privacidade.

Partilhe este incentivo

Se gostou do conteúdo deste artigo, partilhe com os seus amigos